Esta semana, o convidado é Douglas Fonseca, um brasileiro que está vivendo em Budapest 

Hoje completam 10 meses que estou morando em Budapest, capital da Hungria. Sou Porto-Alegrense e vivendo aqui me sinto completamente em casa.

Aqui eu não sinto mais aquele vazio no peito de que parece ter algo faltando e tu não sabes bem o que é. Budapest é com certeza um dos meus lugares no mundo. Com a ajuda da minha flatmate Camila Polletini de Oliveira, que cedeu algumas de suas fotos, vou lhe mostrar o que me faz sentir assim:

1. Fica no coração da Europa

Muitos me perguntam onde fica a Hungria e eu entendo, até porque é um país muito pequeno e Budapest ainda não é um destino tão popular como Londres, Roma, Barcelona ou Paris. Para falar a verdade, Budapest fica relativamente perto de tudo e é muito barato viajar daqui para qualquer lugar na Europa, seja de ônibus, seja de trem ou seja usando uma das inúmeras companhias aéreas low-cost (vide Ryanair ou Wizzair, por exemplo).

Estar no centro da Europa beneficia muito Budapest em termos de experiência de vida que a cidade pode te proporcionar.

2. As pessoas

“ – Ah, mas todos me dizem que as pessoas na Europa são frias e fechadas, então isso não é verdade?!?”

É. E não é, ao mesmo tempo. Quando saímos pela primeira vez de nossa zona de conforto, abrimos nossa cabeça para o mundo. Pelo menos foi assim que aconteceu comigo. Então, depende muito do quão pronto para as pessoas vocês está. Budapest, por ficar no coração da Europa e ser muito barata em função de usar uma moeda própria ao invés do Euro ( faz parte da União Europeia mas continua usando o Forint Húngaro), atrai pessoas de todas as tribos. Com “todas as tribos” eu quero dizer, de todos os tipos e lugares.

3. Transporte público

Comparado ao sistema de transporte público de Porto Alegre, o de Budapest é perfeito. Não atrasa, é todo interligado e é muito barato! Aqui o passe mensal de estudante custa 3450 HUF ou, aproximadamente, 12 Euros (isto mesmo, em torno de R$ 40,00). Se você não é estudante, o passe mensal fica em torno de 120 reais mensais, para que você use qualquer transporte público em Budapest, quantas vezes por dia você quiser!

Budapest_MetroStation1

 

4. O verão europeu

O Verão aqui é um acontecimento breve e muito aguardado pelos húngaros. A cidade se transforma completamente, tudo ganha vida, os rostos ganham sorrisos. É no Verão Europeu que os famosos festivais de música acontecem. Neste ano fui em dois – o Balaton Soundque acontece geralmente em Julho e o Sziget Festival que geralmente acontece no meio de Agosto e encerra o Verão daqui com vários shows de bandas renomadas. Neste ano assisti à Blink 182, Korn, Imagine Dragons, QOSA, Skrillex, entre outros, por 140 Euros. Isto mesmo! Um festival que dura 7 dias pela bagatela de 140 para você que é estudante!

Budapest_Sziget2

5. Freddie Mercury quis comprar o Parlamento Húngaro

Aqui os Húngaros contam a história de que uma vez o líder da banda Queen teria tentado comprar o Parlamento Húngaro para que fosse sua humilde residência.

O lugar parece um castelo e fica à margem do Rio Danúbio, moraria nele fácil!

Budapest_Parliament3

 

6. A Hungria tem o maior sistema natural de termas ativo no Mundo

Tive o prazer de visitar três das principais termas da Hungria. É um experiência que você precisa vivenciar. É como se você saísse de lá com a alma lavada!. Geralmente são grandes complexos com mais de 5 piscinas e com saunas para homens e mulheres. É bem legal!

Budapest_Termais4

7. Budapest fica linda no Natal

Budapest é uma cidade surpreendente! Ela muda de cor como se fosse um camaleão, dependendo da época do ano. Durante a primavera e o verão, ela é colorida, cheia de vida, mas durante o outono e inverno, ela fica cinza, com exceção do Natal. No mês de Dezembro, a prefeitura da cidade não poupa esforços para enfeitar as ruas e parques e tornar de vez Budapest uma das capitais mais lindas do mundo.

Eu já estive em Paris, por exemplo, e, em minha opinião, Budapest é muito melhor.

Budapest_Xmas5

 

8. Budapest é visualmente apaixonante

Budapest é cheia de construções lindas. Sejam castelos, sejam catedrais ou até mesmo parques. Como citei no ponto anterior, Budapest muda de cor, mas não somente durante o ano. Ela muda de cor durante o dia. O que é cinzento durante o dia, de noite ganha tons de amarelo sensacionais. Eu moro aqui há 10 meses e ainda me apaixono diariamente ao sair na rua!

Budapest_Danube6

Budapest_Fishemen7

Budapest_BME8

Budapest_BudaCastle11

Budapest_HeroesSquare10

Budapest_LibertyBridge9

Todas as fotos © Camila Polletini

 

 

fonte: www.nomadesdigitais.com.br